Favor utilizar outro navegador

Parece que você está usando um navegador que não é totalmente compatível. Por favor, note que podem haver restrições na exibição do site e em sua usabilidade. Para uma melhor experiência, sugerimos que você faça o download da versão mais recente de um navegador compatível:

Internet Explorer, Chrome Browser, Firefox Browser, Safari Browser

continuar com o navegador atual

Vida na Siemens

O poder de ser diferente

Quando Janina Kugel, membro do Conselho de Administração Siemens, deu sua palestra sobre o poder da diversidade no TEDx Berlin 2015, ela compartilhou uma poderosa experiência que acabou por transformar seu jeito de pensar desde que era criança.

“Eu tinha 5 anos. Estava voltando da escola para casa quando passei por um campinho de futebol onde todas as crianças estavam jogando bola. Então eu parei e fiquei ali na expectativa de que eles me chamassem para participar do jogo. E eles não pararam. Ficou aquele silêncio esquisito. Foi aí que o primeiro deles gritou “n****”. Daí o segundo acompanhou e disse “n****”. E de repente estavam todos os outros de pé gritando “n****!”. Naquele momento eu realmente não entendia o que eles queriam dizer, mas sabia que alguma coisa estava muito errada e isso machucou. Então corri pra casa pra contar aos meus pais, mas já imaginava que aquela não seria a última história daquele tipo na minha vida.”

 

“Vinte anos depois, em meus primeiros anos como profissional em uma empresa de consultoria, majoritariamente masculina e branca, lá estava eu e, de novo, diferente de todo mundo ali. Eu era nova, inexperiente e, antes disso, mulher. Lembro da primeira vez que fui convidada para uma das reuniões com a equipe sênior. Estava indo para a sala de reunião e fui a primeira a entrar, antes de uns homens, a maioria desconhecidos. Alguns deles conversavam entre si, outros me cumprimentaram, até que todos se sentaram à mesa e o último entrou. Ele olhou pra mim e disse: ‘Moça, queria um café com leite, por favor’.”

Be yourself at work

A princípio, esses momentos de exclusão parecem nos quebrar, mas não têm preço, depois que passam. Eu não seria quem sou hoje, nem estaria onde estou sem essas experiências.

Janina Kugel, Diretora Global de Recursos Humanos

Pessoas que tiveram que lidar com certas experiências por ser diferentes, argumenta Janina, vão se superar como líderes. Durante sua inspiradora palestra durante o TEDx, ela compartilha suas dicas para trabalhar com uma equipe diversa e as lições de cultivar essas diferenças no ambiente corporativo.